Palestras - AGOSTO 2014
AGOSTO 2014
PALESTRA:   ILUSÃO: CONSTRUIR CASTELOS EM BANCOS DE AREIA !
 
 
Boa noite a Todos!
 
 
Neste culto mensal, gostaria de falar sobre o afastamento da fé e as  ilusões. Mas as ilusões que gostaria de falar, são aquelas miragens. Muitas vezes estamos trilhando um caminho árduo para alcançar o Reino do Céu na terra em nossas vidas. Nesta jornada, surgem eventualmente, situações que querem nos desviar, querem fazer com que cheguemos onde o Mal quer e não onde Deus nos reservou um lugar.
 
Esta falsa alegria, nos faz construir um castelo, com a promessa de que o terreno é firme como uma rocha,para podermos firmarmos nossa vida e de nossa família,  mas esta rocha, não passa de um monte de areia, que a primeira ventania, onda ou chuva, o fará desmoronar, levando nosso ideal, nossos sonhos embora.
Mas nesta hora culpamos quem nos iludiu com uma falsa promessa. Mas a culpa de fato é nossa, afinal, fomos nós que nos desviamos do caminho e dissemos SIM à ilusão.
 
Nesta caminhada, devemos nos lembrar do assédio que Cristo recebeu no deserto, onde satanás quis seduzi-lo. Meishu Sama ficou preso e sofreu martírios, torturas, mas manteve-se firme. Nós, ao vermos a dificuldade da jornada, trocamos nossa plenitude na fé, por uma ilusão, afinal adoramos pegar atalhos.
 
Se quisermos  ter a provisão para as nossas necessidades na área espiritual, física e emocional, devemos primeiramente colocar os nossos problemas nas mãos do Senhor e buscar a Sua essência com insistência. Para crer no que Meishu Sama ensina, sabemos  que operou muitos milagres no passado e precisamos acreditar que vai operar milagres também no presente, para isto, temos que ter persistência.  As promessas de Deus não falham. Mesmo que passem o céu e a terra, as Suas palavras não passarão. 
Muitas pessoas trocam a Verdade Divina, pela ilusão da Falsa Verdade. Pessoas que sabemos ser mentirosas e ardilosas, passam a imagem de uma pessoa do bem, mas por trás de sua falsa imagem, está a Verdade plena, onde ela se mostra quem é de fato. Muitas dessas pessoas que são iludidas, só vão acordar em estado avançado de destruição.
 
Buscando a essência de Meishu Sama, já consegui encontrar algo que estou somando a minha formação espiritual: a simplicidade. Também, nos diálogos que procuro manter interiormente com Ele, alguns pontos me fazem refletir.

Imagine Meishu Sama vendo você prostrado, sem ânimo e de repente ele te chama e diz: “ Levanta-te: Deus quer uma nova postura sua”.
Deus não quer que nos prostremos diante das dificuldades, Deus nos quer como um valente soldado na guerra pronto para lutar contra as intempéries desta vida.
 
Levante-se, Esforça-te e tem ânimo, porque Meishu Sama está sempre conosco, desde que o procuremos. Não deixe as circunstâncias da vida baixar a sua cabeça.
 
Deus quer nos dar uma direção, mas para que a bênção de Deus se manifeste, temos que estar atentos a direção que Eles está nos dando.Quando estamos na direção de Deus, por mais espinhoso que  seja o caminho, podemos ter a certeza que a vitória é certa.
 
Na Bíblia fala-se muito sobre Betel, que significa “Casa de Deus” ou seja,  o lugar aonde Deus escolheu para nos encontrarmos com Ele. Betel é o lugar da intimidade, da adoração, Betel é o lugar aonde podemos derramar a nossa alma diante de Deus. Hoje, neste culto estamos na Betel.
 
Deus quer perseverança,  quer que permanecemos no lugar que Ele preparou para nós. Temos que ser firmes e constantes, mas  muitas pessoas deixam de desfrutar das bênçãos e da graça de Deus por não permanecerem na Betel de Deus.
 
Deus quer comunhão e o altar  é o lugar máximo da nossa intimidade com Deus, altar significa sacrifício, renúncia e adoração.
Todos nós temos que edificar altares, pois o altar é a marca da nossa comunhão com Deus.
 
Deus tem um propósito em nossas vidas e Meishu Sama é nosso guia, nosso mentor, nosso Messias, nosso Pai, ou seja,  em essência, Meishu Sama é quem você sentir, e para entender isto, nós temos  que obedecer a essas linhas de direção em nossas vidas. Façamos como Meishu Sama,  para que a bênção de Deus seja manifesta nas nossas vidas.

Porém, muitas vezes nos perguntamos: Será que eu tenho fé em Deus? Será que eu creio que Meishu Sama é o Senhor  em minha vida? Como eu posso ter certeza disto? Algumas situações em nossa vida podem colocar em prova a nossa fé, e tanto podem destruir como fortalecer a nossa carreira espiritual.
 
Quando estamos sozinhos, temos uma sensação de impunidade. Achamos  que, porque estamos sozinhos, podemos fazer algo que é condenado por Deus. Precisamos ter cuidado, pois é neste momento que Satanás  arma o laço para nos tirar da comunhão com Deus. Cuidado com as ilusões.
 
O messiânico que quer ter suas atitudes aprovadas por Meishu Sama, deve doar amor e repartir as suas bênçãos com o próximo.
Quando tudo está bem, normalmente a pessoa está empregada e ganhando um ótimo salário, logo começa a rejeitar ou esquecer  de Deus. Mas, quando está atravessando algum momento difícil em sua vida, fica mais fervorosa na igreja.
 
Outro dia li um relato de uma pessoa, que muito me chamou a atenção:
Numa igreja em Belo Horizonte havia um fiel que era muito rico. Possuía um carro da marca BMW, um Mercedes Benz  e um Cherokee. Ele era representante de uma multinacional.
Quando ele chegou na igreja, não tinha nenhum bem. Estava desempregado. Então o pastor o hospedou em um quarto vago da igreja, e a igreja emprestou-lhe um dinheiro. Ele logo montou um negócio, prosperou financeiramente, e começou a faturar 5 milhões de dólares por mês.
Mas, depois que começou a dar-se bem na vida, passou a sonegar o dízimo, não fazia mais donativos e achou que era o dono do mundo. Ficou presunçoso, achando que a direção da igreja esta errada, então fundou a sua própria igreja e ficou vaidoso. Foi por pensar assim que caiu rapidamente.
Conclusão: perdeu a representação da multinacional, teve o carro roubado e caiu nas mãos da justiça. Ele voltou para a sua igreja de origem, humilhado.
Aquele fiel  faliu porque se esqueceu de Deus. Na hora em que estava bem sucedido virou as costas para Deus.
 
Temos que renunciar quando a ilusão de  poder, de sucesso, nos desviem da Verdade, senão usaremos os dons que Deus nos deu para tirar proveito próprio. Já pensou se Meishu Sama resolvesse ser político?
 
Nós  temos que ser uma prova viva da fé que professamos, não dando oportunidade para sermos questionados em nossa postura. Precisamos testemunhar aquilo que somos e cremos e a nossa vida deve condizer  com o que pregamos.
 
Quando priorizamos o Reino de Deus, tudo vai bem na área psicológica, emocional e material. Deus suprirá todas as nossas necessidades se o Reino de Deus for priorizado. O Reino dos Céus não é comida nem bebida.
 
Se nós messiânicos priorizarmos a Construção  do Reino dos Céus na Terra, seremos espiritualmente aprovados e teremos a nossa fé fortalecida no Senhor. Se estivermos passando algum problema em nossa vida, saberemos que estamos sendo guardados por Meishu Sama e assim como Cristo diz na Bíblia, peço licença para usar suas palavras, e sentir como se fosse Meishu Sama nos dizendo:
 “Servo bom e fiel, foste fiel no pouco, no muito te colocarei”.
 
Vamos continuar nossa Jornada, encaminhando pessoas, despertando o sentimento de gratidão para podermos em breve, termos nossa Sede Própria, expandir a Obra Divina em todos os cantos deste planeta, sempre sendo guiados e protegidos por nosso pai Celestial.
 
 
 
Que Deus e Meishu Sama abençoem a todos!!!
                                                         Reverendo Dorgival     
 
Newsletter
Cadastre seu e-mail e receba novidades exclusivas.
Nome: 
E-mail: 
Cidade: 
4749 Informe o
código ao lado:
 
 
Fone:
55 (11) 4227-4401 / 2341-2508
E-mail:
info@artedojohrei.org.br
Chat:
Fale Conosco
 
 
ASSOCIAÇÃO RELIGIOSA ARTE DO JOHREI
Rua Ibitirama - 629, Vila Prudente. São Paulo/SP.
55 (11) 4227-4401 - 2341-2508
info@artedojohrei.org.br
 
Sobre
Mais
- Arte do Johrei - Johrei
- Meishu Sama - Anima
- Divindades - Ensinamentos
- Donativos - Palestras
- Programação - Experiência de Fé
- Revista Makoto - Unidades
O SITE ARTE DO JOHREI - 2009/2014 - Todos os direitos reservados.