Palestras - Fevereiro 2014
Fevereiro 2014

CULTO MENSAL EM AÇÃO DE GRAÇAS - FEVEREIRO 2014  

PALESTRA: FÉ COMO FOGO, FÉ COMO ÁGUA!

 
 
Boa noite a todos!
 
 
Este mês de fevereiro, apesar de curto, é o mês que mais temos cultos no ano.  Por isso o comprometimento de todos os membros e missionários tem que ser mais intenso e sincero.
 
Cada vez mais estamos num processo de crescimento, mas o principal deste momento, é termos o sentimento de  mudarmos nossos pensamentos, para depois alcançarmos a Grande Expansão. O principal foco de mudança é controlar o nosso gá.
 
Nitiren Daishonin escreveu uma carta em 1278 para Nanjo Tokimitsu, um de seus principais discípulos. Naquela época, a opressão sobre os seguidores de Daishonin havia começado na área de Fuji em consequência dos esforços de propagação liderados ali por Nikko, que veio a ser mais tarde sucessor de Daishonin.
 
Esta opressão foi incitada pelos poderosos sacerdotes da escola Tendai que tinham uma forte ligação com as autoridades políticas. No meio disto, Tokimitsu levantou-se para amparar outros seguidores da perseguição, aguentando os ataques sobre si mesmo enquanto empreendia uma luta contínua para proteger os discípulos de Daishonin.
 
Observando isto, Daishonin louva profundamente o compromisso e fé inflexíveis de Tokimitsu, que se mantiveram de pé até mesmo no meio das piores circunstâncias. Nesta carta Daishonin delineia dois tipos de fé, uma como fogo e outra como água, comparando a firme dedicação de Tokimitsu como água, que continua a fluir a despeito de qualquer obstáculo.
 
Uma pessoa que tem "fé como fogo" pode ser propensa a ter resoluções arrebatadas ou a fazer promessas, quando estimulada. Mas pode também tender a esquecê-las com o passar do tempo, tornando-se alienada do mundo da fé. Em contraste, aqueles cuja fé é como água, permanecem constantes, mantendo sua dedicação e prática seja em tempos fáceis ou na adversidade. Dessa forma, Daishonin nos ensina como é importante   acreditar continuamente sem jamais voltar atrás.
 
Durante o curso de nossas vidas e de nossa prática de fé, somos compelidos a encontrar problemas e sofrimentos. Podemos experimentar amargas decepções, ou ter de fazer coisas e lidar com pessoas que nos são desagradáveis. Porém, se desistirmos de nossa fé por causa de tais dificuldades ou de nossas próprias fraquezas, então em primeiro lugar não terá havido nenhum sentido de praticar  a fé. Ou, se chegarmos a conclusão de, "Ah, já fiz tudo que estava ao meu alcance," e pararmos de desafiar a nós mesmos, as funções diabólicas irão tirar vantagem de nossa falta de determinação e seremos derrotados pelas tendências negativas que existem dentro de nossas próprias vidas.
 
A chave para atingir o estado de felicidade e  iluminação a que Meishu Sama se refere em seus ensinamentos,  reside em lutar continuamente até o final, nunca desistindo, quando surgirem obstáculos em nossa jornada.
 
Pessoas que crêem num Deus duro e inflexível tendem a se comportar de forma legalista e acusatória com os outros – reproduzem assim seu conceito de Deus. Pessoas com um conceito de um Deus amoroso, tendem a construir relacionamentos também fundamentados no amor. Dentro da Obra Divina pregada por Meishu Sama, também encontramos  estas duas características dentre os seus seguidores. Aqueles intransigentes, donos da razão e os que servem com base no amor ao próximo.
 
No Islamismo o conceito de Deus como Pai não existe. Alá é forte, poderoso, soberano, mas Alá não é Pai. Jesus, no entanto, ao se referir ao Pai, o chama de paizinho.  E para nós, como vemos Meishu Sama? Alguém carregado de afeto, onde podemos reclinar nossos ombros e dormir despreocupadamente?
 
Muitos messiânicos  tem uma visão errada de Meishu Sama. Nós  ministros e reverendos, temos que ter muito cuidado com as palavras e orientações. Se  usarmos nossa posição, para tirar vantagens de membros  e frequentadores, estaremos manchando o nome de Meishu Sama. Por isso, existem tantas pessoas afastadas da fé, algumas se afastaram das igrejas, mas não abandonaram Meishu Sama, outras não podem nem ouvir Seu Nome, porque criaram verdadeira ojeriza.
 
Muitos falam da Arte do Johrei, como se fossemos inimigos, que aqui não tem Meishu Sama,  agem de várias formas, tentando impedir nosso crescimento. Esta passagem budista que citei, parece muito com o nosso dia a dia. Mas como os milagres estão se multiplicando, nós não fazemos nada mais do que Meishu Sama sempre ensinou: ORAÇÃO e JOHREI, aliados ao nosso servir sincero.
 
No dia 15 de março, estaremos completando 10 anos. Muitos não tem ideia do que passamos para chegar até este estágio da fé, não estamos mais engatinhando, mas estamos em transição, nos preparando para uma nova era e graças a todos as dificuldades que enfrentamos, podemos olhar para o altar e dizer : Obrigado Meishu Sama!
 
A potência de um avião após levantar vôo e ficar no ar torna-se mais estável à medida que continua voando em seu curso. Se houver uma súbita mudança e suas máquinas diminuírem a força, então o avião irá perder sua velocidade e um desastre não poderá ser evitado. Felicidade verdadeira e duradoura é construída em meio a lutas e desafios contínuos.
 
Vamos sempre nos lembrar disto enquanto nos empenhamos na nossa prática para difusão da Obra Divina.  As pessoas pensam que nós difundimos a Arte do Johrei e digo claramente que não. Nós estamos difundindo  o que Meishu Sama nos ensinou, por isso, estou sempre repetindo que em nosso servir, não há espaço para vaidades, porque a Obra não é nossa.
 
Que Deus e Meishu Sama abençoem a todos!!!  
                                                                               
                                                      Reverendo Dorgival    

Newsletter
Cadastre seu e-mail e receba novidades exclusivas.
Nome: 
E-mail: 
Cidade: 
0465 Informe o
código ao lado:
 
 
Fone:
55 (11) 4227-4401 / 2341-2508
E-mail:
info@artedojohrei.org.br
Chat:
Fale Conosco
 
 
ASSOCIAÇÃO RELIGIOSA ARTE DO JOHREI
Rua Ibitirama - 629, Vila Prudente. São Paulo/SP.
55 (11) 4227-4401 - 2341-2508
info@artedojohrei.org.br
 
Sobre
Mais
- Arte do Johrei - Johrei
- Meishu Sama - Anima
- Divindades - Ensinamentos
- Donativos - Palestras
- Programação - Experiência de Fé
- Revista Makoto - Unidades
O SITE ARTE DO JOHREI - 2009/2014 - Todos os direitos reservados.